TSF junta-se a Carlos Pinho para atacar o Sporting




É cada vez mais dificil ser-se Sportinguista em Portugal e consumir informação vinda de orgãos de comunicação que se autoproclamam independentes. Ontem foi o director adjunto do Record a ter aquela atitude vergonhosa para com Alan Ruiz e hoje vemos a TSF com uma entrevista exclusiva a Carlos Pinho cujo único tema de conversa é desvalorizar o Sporting e Bruno de Carvalho. No fundo, tudo o que é tema que meta o Sporting ao barulho é vendível na imprensa como arma de arremesso e desestabilização.

Esta é a imagem de toda a notícia da TSF (clickar para aumentar). Em cinco parágrafos, apenas um é dedicado ao Arouca em si. Todos os outros envolvem o nome do Sporting ou do seu Presidente, Bruno de Carvalho.

Este tipo de notícia não é inocente e aparece em vésperas das eleições no Sporting pretendendo conotar o nosso Presidente a uma imagem que não é real. É preciso ser-se muito mal-intencionado para chamar "cuspo" ao vapor que sai da boca de Bruno de Carvalho. E é preciso João Ricardo Pateiro (o jornalista que entrevistou Carlos Pinho) ter um par de testículos MUITO PEQUENINOS para não ter a coragem de contrariar a narrativa de Carlos Pinho com algo tão simples como... factos.

Pior ainda é que isto tudo seja feito debaixo da asa do Editor de Desporto da TSF - Mário Fernando - um benfiquista e anti-Sportinguista primário e, inclusivamente, anti-Bruno de Carvalho.






Não nos podemos esquecer dos constantes directos do Governo Sombra no estádio da luz e que foi a TSF a tal rádio que no seu site trocou o simbolo do Sporting por um com lagartos em dia de jogo contra o benfica. É Assim se tenta manipular as mentes dos Sportinguistas. Vão-se lançando entrevistas completamente ad hoc sempre que há a oportunidade de tentar achincalhar a imagem de um clube centenário e do seu actual Presidente. Até quando?







Comentários

Enviar um comentário