Jaime Marta Soares e Nuno Travassos, vitimas do clima de guerra promovido por Vieira e Vitória



O que devia ser um dia de festa com um jogo da Selecção Portuguesa, actual campeã europeia, quase se transformou numa tragédia para Jaime Marta Soares, Presidente da Mesa da Assembleia Geral do Sporting.

Jaime Marta Soares, a convite da seleção para representar o Sporting, apresentou-se ontem no estádio da luz e foi recebido por um grupo de adeptos do benfica que o tentaram agredir. Apenas a pronta intervenção da policia impediu que uma tragédia acontecesse.

Mas JMS não foi o único a sentir o "acicatamento dos 6 milhões. Também o Fernando Madureira, o conhecido "Macaco", a sentiu. Também convidado pela Selecção para liderar uma claque de apoio a Portugal, Fernando Madureira sofreu tentativas de agressão por parte de adeptos do benfica.

Quando Nuno Travassos, jornalista do MaisFutebol, tentou noticiar o assunto. Surgiu logo uma horde de benfiquistas nas redes sociais a ofendê-lo.

Este é só mais um episódio no futebol português que acaba por ter origem no clima de pressão e coação que tem vindo a ser instalado pelo clube da luz. O treinador ameaça com o possivel acicatar de 6 milhões de pessoas e o presidente promove boicotes a jogos da selecção.

Quando um dia acontecer mesmo uma desgraça, quem é que se responsabiliza? O nome "Rui Mendes" está bem vivo no coração dos Sportinguistas. Ainda hoje cheira a injustiça...



Comentários

  1. afinal o benfica também tem o seu macaco quando lhe dá jeito...

    e é um macaco anónimo porque os adeptos organizados do benfica não têm rosto, morada, numero fiscal, nada.

    mas dá muito jeito.

    ResponderEliminar
  2. infelizmente estamos em portugal a ir por bons caminhos, e a responsabilidade é de todos.

    Como é possivel haver uma claque organizada para apoiar a selecção, com lideres que são criminosos? Alguém na federação já leu a auto-biografia do lider dos super dragoes? Para que precisamos de uma claque organizada? Eu vejo a selecção jogar vai para mais de 30 anos e os estádios sempre estiveram cheios e em festa, a quem interessa mais este acicatar de animos - decisões incompreensíveis, e depois ainda há quem venha apontar o dedo?

    Um clube que sempre recebeu a sua selecção com orgulho, respeito e admiração, que nesta convocatória juntamente com o sporting foi o que mais cedeu jogadores para representar a selecção de TODOS nós, é desrespeitado pela sua claque? Que sempre que a selecção lá jogou teve o estádio cheio e a vibrar, com a maior percentagem de vitorias nos seus jogos?
    Para mim a direcção da FPF tem de apresentar desculpas publicas pelos insultos de que foi alvo pela claque organizada pela federação.

    Quanto as tentavas de agressão a JMS são inaceitáveis
    . Para onde caminha o nosso futebol?

    ResponderEliminar

Enviar um comentário