Não, João Pinheiro. Não é por seres benfiquista.



A imprensa, e talvez até o próprio João Pinheiro, não entenderam o real motivo pelo qual o último deve meter o lugar à disposição. Não é por ser benfiquista, muito menos por ter colocado posts "benfiquistas". É, sim, por ser anti-Sporting e anti-BdC e o ter demonstrado sem qualquer tipo de pudôr. Todas as pessoas têm direito a ter o seu clube. Não podem é ter atitudes anti-outros quando exercem (ou se preparam para exercer) cargos de responsabilidade onde ajuizarão processos que envolvem esses outros clubes.

João Pinheiro, no seu comunicado, escreve também "À data em que foram produzidos não me vinculava qualquer dever funcional, ou outro, relacionado com o fenómeno desportivo". Mas ele foi convidado do pé para a mão? É que a 26/3 (um dia antes de tomar posse) ainda andava a escrever posts provocatórios no facebook. Compreendo que é o seu facebook pessoal mas não deixa de me fazer pensar que é uma pessoa sem noção da grandiosidade e respeitabilidade que um cargo de juiz traz consigo. Eu não posso, um dia antes de começar num novo emprego, andar a falar mal dos clientes dessa empresa nas redes sociais.

Imaginem que o caso Bruma acontecia hoje e era gerido por João Pinheiro. Se o Sporting perdesse, confiavam na decisão deste senhor depois de ver o tipo de conteúdos que produziu anti-Sporting? Ou mesmo depois de o ver a comentar na BTV? Essa é a grande questão. À mulher de César não lhe basta ser séria, tem também de parecer. E, aos meus olhos, João Pinheiro não pareceu ter a isenção que o cargo em questão merece.

Para o bem do futebol, é bom que o mundo entenda o que aqui está em questão: Seriedade e brio profissional são essenciais para exercer qualquer função, principalmente a de juiz!

Uma nota final: tenho pena que os órgãos de comunicação social só tenham pegado no caso depois de João Pinheiro ter colocado o lugar à disposição. Muito poucos se deram ao trabalho de investigar o que quer que fosse sobre isto.


Comentários

  1. Pôr o lugar a disposição é pouco, devia abandonar de imediato é sem condições....

    ResponderEliminar
  2. Parabéns !
    ...por este e pelo post anterior !
    É bom saber que há leões atentos a tudo o que se passa neste vergonhoso futebol português.
    Abraço e SL

    ResponderEliminar
  3. Pegando nas "palavras" de M Pereira: "É bom saber que há leões atentos a tudo o que se passa neste vergonhoso futebol português."
    É bom, muito bom. Contudo, é preocupante q caso não fosse haver uma pessoa atenta, quem escolhe não faz qq trabalho de casa em analisar se é, realmente, uma pessoa com capacidade para o cargo a q se destina.
    Será normal q se espere por estas diligências????

    ResponderEliminar

Enviar um comentário