Sporting no Twitter, uma história de sucesso



Ser gestor de uma rede social é uma tarefa ingrata. Estar atento a todas as trends, comunicar positivamente e, acima de tudo, nunca perder a compostura com os haters de serviço. Num Clube de futebol como o Sporting é ainda mais complicado porque o lado emocional vem sempre ao de cima mas é preciso manter a elevação institucional que uma instituição com mais de 110 anos merece. E se é fácil apontar o dedo quando algo não corre bem também é nosso dever, enquanto Sportinguistas e ávidos consumidores de social media, enaltecer o bom trabalho. Actualmente, a conta de Twitter do Sporting acompanha, em directo, quase todos os escalões de quase todas modalidades com relatos dos eventos principais como golos, substituições e admoestações. E tudo como uma modéstia enorme, sempre na sombra e em prol do Sporting. É obra!

Ainda bem fresco na nossa mente está a troca de memes com as outras contas dos clubes adversários na UCL e o tão bem disposto vídeo de quando o Jubas conheceu a Ema (mascote do Borussia de Dortmund)




Neste momento a conta é gerida por um conjunto de pessoas criativas, atentas e que reagem com fair play às provocações normais numa rede social. Mas não só! No clima cinzentão que se vive em Portugal onde não se pode brincar com nada, a conta de twitter do Sporting conseguiu um belo momento de interação entre si, Schelotto e mais um conjunto de adeptos. Esse momento é destacado também por Eduardo Garcia no seu programa de comentário semanal na Sporting TV.

Faço minhas as palavras do Eduardo e aproveito para parabenizar a equipa que gere as redes sociais do Sporting. Espero que continuem a encaixar com fair play as criticas de que são alvo e que nunca percam o sentido de humor e de missão.




Comentários