A Liga continua a gozar com clubes e adeptos



A menos de duas semanas do arranque do campeonato e a Liga ainda não deu a sua opinião oficial sobre a polémica dos emails que está na génese do maior escândalo de corrupção do futebol português.

Daqui a 10 dias começarão a ser nomeados árbitros e delegados para os jogos da primeira jornada e é mais que óbvio que tanto estarão entre os nomeados os ditos padres da benção de Adão Mendes. Também é altamente provável que para os mesmos jogos estará nomeado o "Manhoso" do costume bem como a restante trupe.

Este clima de suspeição é intragável e se há um culpado (não moral mas sim imoral) directo, há um culpado indirecto ainda maior. A Liga não pode permitir que o investimento dos clubes seja deitado fora por incompetentes com apitos e esferográficas. Em Portugal muita gente faz um sacrifício adicional para pagar as quotas do seu clube e os clubes de orçamento limitado fazem esforço para pagar os ordenados a jogadores atempadamente. No entanto tudo isso se torna infrutífero quando o árbitro que é nomeado para o jogo leva a sua agenda própria para orquestrar mais um campeonato que tem que ser ganho pelo benfica. Caso contrário, dá-se-lhe cabo da nota!

Até quando a Liga se vai manter em silêncio? E até quando os clubes vão aceitar não passar de joguetes nas mãos do Puppet Master?

É que se é para começar mais uma Liga da Mentira, mais vale atribuir já o título ao benfica e deixar os outros 17 clubes jogarem entre si. Ao menos não cheirava tão mal durante tanto tempo.


Comentários

  1. E inadmissível que o presidente da liga nada diga das denuncias(ainda que não fossem verdadeiras) nada disse de criar um troféu que não está nos regulamentos (taça do tri) mas entregou ao clube da treta. Seria para os calar? Pelos vistos sim. Mas o problema é que ele desde aí também ficou calado.

    ResponderEliminar

Enviar um comentário