O que faz a impaciência dos adeptos...






Este post é sobre o André, a quem insistimos em chamar Balada, mas podia ser sobre tantos outros. Sobre Rúben Semedo ou Paulo Oliveira. Sobre todos aqueles que não se conseguem impôr no Sporting mas, saindo, acabam por melhorar as suas exibições.

Na passada noite, André marcou mais um golo (três no total das duas partidas da Sulamericana). Soma um total de 8 em 15 jogos no Brasileirão. Bem sei que o futebol é diferente. Mas fazer golo é igual em todo o lado. É apanhar uma oportunidade e meter a redondinha dentro da baliza. É uma questão de confiança para ser mais rápido que o central, estar melhor posicionado e até para arriscar ou não um remate.

E porque é que André faz 8 golos no Brasil em 15 jogos e cá não conseguiu fazer isso? Porque não o deixaram ter confiança! Desde que chegou que andou a levar com a conversa do "Balada". Foi assobiado ao primeiro falhanço e completamente destruido na opinião pública. Para nosso azar saiu logo e agora está a marcar golos por outros.

É uma reflexão que os adeptos do Sporting devem fazer. Quando assobiam um jogador à primeira, quem acham que estão a prejudicar? É que ele vai receber o ordenado quer jogue bem ou mal e nós precisamos é deles motivados. 



Comentários

  1. Concordo plenamente, mas quem anda, já, a denegrir o trabalho do central que veio do Braga? Ou seja, quem diz que por enquanto não confia nele???

    ResponderEliminar
  2. Para asssobiar os nossos jogadores já bastam os nossos adversários. Sportinguista a sério não assobia a nossa camisola

    ResponderEliminar

Enviar um comentário