2017-01-31



Ary Papel oficializado no Moreirense


Ary Papel é o novo jogador do Moreirense FC até ao final da época, emprestado pelo Sporting CP.
Ary, de 22 anos, estava na equipa B do Sporting CP tendo alinhado em Angola no 1º de Agosto.
Com 26 internacionalizações na seleção angolana Ary Papel mede 1.85m e pesa 71 kg e já treina às ordens de Augusto Inácio.
Boa sorte, Ary Papel!






Hernan Barcos oficializado no LDU


Hernán Barcos já não é jogador do Sporting Clube de Portugal pois acaba de se juntar definitivamente ao LDU - LIGA Deportiva Universitaria - do Equador.

Boa sorte, Hernán!






Ryan Gauld e André Geraldes reintegrados



A Sporting Clube de Portugal – Futebol, SAD informa que decidiu reintegrar no seu plantel de Futebol Profissional os jogadores André Geraldes e Ryan Gauld.
A Sporting SAD deseja a André Geraldes e Ryan Gauld, neste seu regresso a casa, as maiores felicidades profissionais e pessoais.





Podence confirma regresso ao Sporting



"Boa tarde Moreira!
Uma vila, uma equipa, um clube, pessoas que ficarão para sempre no meu coração. Pela forma como me trataram e valorizaram.
Amigos e companheiros de luta, com vocês passei momentos difíceis mas acima de tudo foi com vocês que festejei o meu primeiro titulo, entre outras grandes vitorias 🙏🏼🙌🏼🙌🏼
Despeço-me com uma única palavra e sentimento no coração: OBRIGADO"

Bem-vindo de volta, Daniel!






Não são invencíveis, apenas estão mais protegidos!



Não é surpresa para ninguém que o benfica tem atrás de si uma das mais poderosas máquinas de comunicação do futebol mundial. Ainda um jogo não acabou e já todos os comentadores sabem o que têm que dizer para minimizar o impacto desse resultado. O mesmo se aplica a meia-dúzia de "opinion makers" nas redes sociais também sempre prontos a fazer damage control.


Pouco mais de 20 minutos depois do final do jogo e já o Record tinha uma fotogaleria onde o título era todo um hino à desculpabilização da derrota enquanto o Pedro Guerra gritava na TVI24 que o benfica tinha sido o clube mais prejudicado esta época (se a hipocrisia matasse...). É este alegado penalty mais importante que o golo limpo anulado a Alan Ruiz na semana passada? Não! Este valeria, no máximo, 1 ponto e ao Sporting foram roubados 2 pontos nesse golo anulado. E, pior, nem sequer é penalty - o Carrillo atira-se para o chão como se pode ver neste video:



Mas a verdade é que isso não apaga os factos e o principal facto é que o benfica somou ontem a sua segunda derrota consecutiva e os adeptos fizeram-se ouvir.



Também Rui Vitória tinha vindo a ver a sua imagem lavada com regularidade. Sempre sonsinho, a máscara lá lhe acabou por cair contra o Moreirense na passada semana e o tal indivíduo que nunca fala dos árbitros (a não ser que não ganhe e lá vêm as ceboladas) acabou um jogo a ofender a integridade de um árbitro acusando-o mesmo de ter desejado a derrota do benfica. "Era isto que querias? Conseguiste!"




Não é só neste aspecto em que vemos a protecção da comunicação social ao benfica. A devolução de Markovic (610 minutos, 2 golos) e venda de Elias (210 minutos, 1 golo) fizeram correr litros e litros de tinta realçando que foram contratações falhadas. Mas vai-se mascarando a devolução de Danilo (214 minutos, 1 golo), o empréstimo forçado de Célis (212 minutos), as constantes lesões de Grimaldo e a paupérrima época de Rafa que custou mais de 16 milhões de euros e jogou 446 minutos para o campeonato português. Já para não falar do falhanço da "venda milionária" de Jimenez e, claro, de Carrillo cuja operação foi rotulada como um dos maiores roubos a um rival e neste momento já é um dos jogadores mais odiados pelos benfiquistas.



Sem o manto protector da comunicação social e a constante manipulação de factos, a crise de resultados que o benfica vive hoje seria bem pior. E nós, em vez de capitalizarmos tudo isto, andamos preocupados com uma virgula num tweet ou com a contagem de espectadores no estádio. Abram os olhos, Sportinguistas. Abram os olhos e percebam quem é o verdadeiro inimigo. Eles não são invencíveis, apenas estão mais protegidos!






2017-01-30



Setúbal vendeu derrota ao benfica?


Tudo começou há uns dias quando fomos "surpreendidos" pela capa d'A Bola com a notícia "benfica faz participação à liga contra o Sporting". No texto do diário da Travessa da Queimada podemos ler: "Depois da intrasigência do Vitória de Setúbal em assinar os contratos de rescisão dos dois jogadores - cedidos pelo Sporting no início da temporada e resgatados pelos leões depois da partida da Taça da Liga, a 4 de janeiro, no Estádio do Bonfim -, junta-se agora uma participação do benfica à Liga, alegando, sabe A Bola, quebra do regulamento de competições por parte do Sporting, nomeadamente do ponto 5 do artigo 78º [...]". O benfica tem agido como um advogado do Vitória de Setúbal nestes últimos dias fazendo de conta que Gauld e André Geraldes não são jogadores do Sporting.

Tendo em conta a derrota do benfica contra o Moreirense na última quinta-feira tornou-se imperativo para o benfica vencer o jogo em Setúbal e é tão imperativo que até o árbitro tem histórico pró-benfiquista.



Mas tudo isto não é suficiente. O benfica insiste, MESMO EM DIA DE JOGO, em criar complexos no adversário que vai enfrentar prometendo-lhe, alegadamente, o empréstimo de João Carvalho para... substituir Ryan Gauld! Tudo inocente, claro está! Porque no futebol português nunca há conflitos de interesses...








João Top, Renato Flop



João Mário voltou a marcar este fim-de-semana pelo Inter de Milão. Neste momento, João Mário tem 1335 minutos jogados na liga italiana e já contabiliza 4 assistências e 3 golos tendo visto também já 5 cartões amarelos - sinónimo do seu alargado raio de acção no Inter (destrói, constrói e marca). Tem estado num crescendo de forma e a sua influência na equipa tem sido registada pela imprensa italiana.

Mas não vemos João Mário a ter o destaque que outros jogadores em Portugal têm. Isto não é novidade nenhuma pois se Cristiano Ronaldo tivesse sido formado no benfica em vez de o ter sido no Sporting haveria uma estátua sua em cada rotunda de Portugal e os crucifixos nas igrejas seriam substituídos por um CR7. Mas não deixa de ser uma injustiça enorme para um dos maiores talentos portugueses o que se está a passar.

O Record e o Mais Futebol vão tendo o seu "Especial Renato" quase diariamente onde conseguem transformar a mais baldada acção num acto de publicidade.






A maneira como o Mais Futebol noticiou a vitória do Bayern de Munique foi a seguinte:


Ao vermos ficamos com a sensação que Renato Sanches fez uma exibição positiva o que não é verdade. Renato Sanches entrou aos 62 minutos e os destaques no livescore para a sua exibição são:


E a própria época de Renato Sanches no Bayern tem sido lamentável: jogou 366 minutos sem que tenha feito qualquer assistência ou marcado um golo que fosse, tem sido constantemente considerado um dos piores em campo e ainda conseguiu ver 3 cartões amarelos.





Enquanto João Mário vai sendo nomeado para os onzes da jornada.

O próprio portal Goal colocou Renato Sanches no 11 desilusão da época.




Já o Inter bateu o Pescara por 3-0 e subiu ao quarto lugar em Itália, o Record entendeu que a melhor maneira de o noticiar foi com um "João Mário volta a fazer das suas" como se de uma qualquuer traquinice se tratasse, como uma minudência e não como a influência directa no bom momento da equipa.




Alguns dirão que a posição de João Mário em campo é diferente da de Renato e que talvez seja por isso mais fácil ao ex-jogador do Sporting impôr-se mas veja-se, por exemplo, Bernardo Silva. Desde que saiu do benfica tem sido tratado pela imprensa como "menino de ouro" e o segundo melhor jogador português da actualidade. Desengane-se quem pensa que o primeiro é Cristiano Ronaldo - o primeiro, para a imprensa, é Renato Sanches. Bernardo Silva tem 1601 minutos na liga francesa pelo Mónaco, marcou 5 golos, fez 5 assistências e viu 2 amarelos. Números semelhantes ao de João Mário mas com muito maior destaque na imprensa portuguesa.


Ontem o Mónaco empatou contra o PSG aos 92 minutos e as redações de Mais Futebol e Record usaram termos como "salva" e "silenciou". Não foi uma "das suas" foi uma "salvação".



Felizmente vamos conseguindo ver em jornais interancionais o verdadeiro valor dos atletas portugueses e João Mário não engana: É craque!












A entrevista de João Benedito ao Record

Uma vez mais em nome da pluralidade: aqui fica a entrevista de João Benedito ao Record onde revela que não vai a votos nem apoiará nenhuma lista neste ato eleitoral, mas deixa um apelo ao líder da AG.















2017-01-29



A Análise de Record e A Bola aos jogadores do Sporting

A Análise de Record e A Bola aos jogadores do Sporting e à arbitragem no jogo contra o Paços de Ferreira.

A Bola







Record











2017-01-27



Árbitro lampião que roubou o Sporting arbitra benfica



João Pinheiro, o árbitro lampião que roubou o Sporting na Madeira, foi o "premiado" com a arbitragem do Vitória de Setúbal - benfica desta jornada.


Depois da derrota contra o Moreirense nada podia ser deixado ao acaso e, como tal, a liga lá nomeou um árbitro de filiação benfiquista para não permitir que nada aconteça ao clube do regime esta jornada!



Ao Sporting calhou Fábio Verissimo, outro árbitro com chancela #BenficaLab escrita em todo ele.
A vergonha continua, jornada após jornada, no campeonato da mentira... o campeonato português!







"É um falso jogador e não vale 30 milhões"






Quando perguntaram a Christophe Dugarry, campeão do mundo em 1998 e da europa em 2000 ao lado de Zinedine Zidane e Henry, o que achava da contratação de Gonçalo Guedes, o ex-jogador do Barcelona e Milan... riu-se!

Riu-se ele e ri-se todo o mundo do futebol com dois dedos de testa. Em Portugal quem fala sobre este tipo de coisas é logo conotado com um anti mas a verdade é que o negócio de um miudo que tem meia-dúzia de jogos pela equipa principal envolver 30 milhões de euros só acontece porque tem a chancela do Mendes.

Vejam o video e riam-se também!















Quando na outra equipa há jogadores com vontade de ganhar, tudo é diferente!



O futebol português ficou chocado com a vitória do Moreirense de ontem. Mais do que com a vitória do Moreirense, ficou chocado com a coragem com que o Moreirense quis ganhar o jogo. Em Portugal estranha-se muito quando alguém tenta ganhar ao benfica e isso acontece porque o benfica tem a maior parte das equipas apertadas pelos tomates. Seja com direitos de transmissão na btv, receitas de bilheteira, empréstimos de jogadores ou obras nos estádios. Mas, os poucos que não estão grilhoados, dão luta! Quando na outra equipa há jogadores com vontade de ganhar, tudo é diferente! Quando a equipa não está refem da tirania vermelha, pode ganhar o jogo! E ganha! Nem o árbitro lhes valeu.


Guarda-Redes

É sempre melhor quando um guarda-redes escolhe ser competente como o Makaridze
do que quando fica "mal na fotografia" como o Rui Silva do Nacional



Defesas


Quando os centrais da equipa se portam como esteios defensivos
E não têm o "azar" de fazer autogolos que parecem MESMO de propósito como o Luís Aurélio do Feirense



Meio-Campo



Quando o meio-campo trabalha pela posse 
Em vez de deixar o Pizzi solto paa fazer o que quer como contra o Tondela



Treinador

É sempre mais fácil quando a equipa quer mesmo vencer. Quando o resultado não está já "vendido" ao benfica. Quando os treindadores resistem a ir ao beija-mão e preparam a táctica para ganhar o jogo em vez de negociar a derrota por 1 ou 2 emprestados. Enorme Inácio pela coragem de resistir!






Arbitragem

E, mesmo assim, ainda foram roubados...







NO AUTOGOLOS => NO PARTY!