A lenda da bancada rachada



Aos quarenta e cinco minutos de um jogo em que o Porto perdia, o árbitro apita para o intervalo e enquanto os jogadores se deslocam para o balneário, as claques do Porto começam a entrar no relvado.

Algum silêncio de espanto seguido da ideia de catástrofe de uma bancada estar prestes a ruir. Drama, tragédia, delegados da liga reunidos. Jogo continua, jogo é adiado, crise na SportTV, dia em grande para o Correio da Manhã.

Imagem falsa usada por adeptos do Porto
Uma hora depois, adeptos voltam à bancada, Delegados da Liga mandam seguir o jogo enquanto adeptos do Porto começam a espalhar "regulamentos" da Liga pela internet dizendo que têm direito a uma vitória na secretaria. Minutos depois, os mesmos Delegados da Liga que mandaram seguir o jogo dão instruções para que este não aconteça, intensificam-se as reacções na internet a exigir os três pontos na secretaria. Alguns deles até com imagens falsas. Faltará pouco tempo para o Estádio ser conhecido por "António Coimbra Terramoto".

Num jogo muito complicado para o Porto, pedem-se pontos na secretaria. Faz sentido! O Estoril já devia saber de antemão que um sismo lhe iria danificar parte do estádio, não é? Que conveniente! Investigue-se...

Sem datas num futuro próximo, o jogo devia ser amanhã mas o Porto recusou-se a jogar. Já agora, quando é que volta mesmo o Brahimi?





Comentários