Bruno de Carvalho e Fábio Coentrão abrem o coração e pedem União de Aço rumo aos títulos



Fábio Coentrão, na sua página oficial de facebook, abriu o coração para falar sobre o que sentiu na passada noite após o penalty de Edinho.

Nem sempre, dentro do campo, as coisas correm como queremos. Fomos à luta, não fomos felizes e isso deixou-nos revoltados. Vivo cada jogo como se fosse o último da minha vida. Não gosto de perder e, muito menos, quando é proíbido fazê-lo. Quero ser campeão pelo meu Sporting CP. Senti-me frustrado e reagi como sou, autêntico e genuíno. Sou um homem e não uma máquina. Que me desculpem todos aqueles que fazem parte da Família Sportinguista pelo que fizemos e por alguma atitude menos refletida no jogo em Setúbal. A mágoa e a revolta pelo que ontem aconteceu continuam, e pensei em todos aqueles que, no estádio ou na televisão, também sentiram o mesmo que eu senti. O futuro é já o próximo jogo, na quarta-feira. O destino de todos nós, Sportinguistas, é sermos felizes. E vamos sê-lo, com atitude e compromisso. A nossa união continua a ser de aço!

É lindo ver um jogador do Sporting ser tão Sportinguista como nós. Viver e sentir aquilo que nós sentimos.

Logo de seguida, Bruno de Carvalho reforçou o texto de Fábio Coentrão, metendo-se ao seu lado.

Da revolta, angústia e raiva de todos os sportinguistas vai sair o caminho para as alegrias que tanto merecemos!
Atitude e Compromisso total!
É assim que se constrói uma União de Aço que nos vai levar aos títulos




Comentários

Enviar um comentário