Fábio Coentrão destrói Conselho de Disciplina



Depois de ter sido vítima de um patético castigo, Fábio Coentrão abriu o coração e deitou cá para fora tudo aquilo que o tem vindo a incomodar. Grande Fábio. És um dos nossos!

Como é possível eu ter passado um jogo inteiro a ser insultado e agredido com isqueiros? Mais ainda: como é possível ter visto um cartão amarelo quando eu é que fui vítima de agressão por um adversário que me pôs o dedo num olho? Ter visto outro adversário a atirar a bola contra mim noutro lançamento lateral? E, para cúmulo, ter de passar por um túnel recolhido (quando me dirigia aos balneários após ser substituído) e ser sujeito a novos insultos, cuspidelas e agredido com o arremesso de isqueiros, numa clara falha grave de segurança que viola os regulamentos, porque o túnel, nestes casos, tem de ser aberto para protecção dos atletas? Perante tudo isto só eu é que sou castigado com um jogo de suspensão? E nada acontece a quem tem estes comportamentos antidesportivos e grosseiros? Já para não falar num certo senhor que tão mal anda a fazer ao nosso futebol que tem o descaramento de dizer que eu não sou exemplo para ninguém. Querem melhor exemplo do que ter vindo do nada, ter subido a pulso e ter conquistado tudo o que já consegui conquistar? Sou humano e também tenho direito à indignação, com a certeza de que estarei aqui até ao final a lutar com todas as minhas forças.



Comentários

  1. O tal túnel onde tudo é permitido...! Foi um observador que te deu o castigo..., os Árbitros não escreveram nada nos relatórios..., esse observador foi um cobarde..., encoberto pela “Máfia” que anda a destruir o que de bom, ainda tem o Futebol...! SL..!

    ResponderEliminar

Enviar um comentário