Loja Verde vandalizada demonstra pequenez dos nossos rivais



Nada atesta tão bem as nossas qualidades como a inveja que elas causam nos demais. Terem-se passado menos de vinte e quatro horas desde a inauguração da nova Loja Verde até à sua vandalização demonstra bem o quanto os outros vivem em função de nós.

O sucedido não é virgem. Na inauguração da Estátua do Leão na rotunda e do Pavilhão João Rocha aconteceu exactamente a mesma coisa. É a cultura do ódio a ganhar cada vez mais tracção entre os nossos rivais. O palmarés de violência com origem no outro lado da Segunda Circular mostra bem a maneira de estar na vida e no desporto. 

A nós cabe-nos manter a cabeça fria e não entrar nestes jogos que só diminuem quem os pratica. Mas isto não quer dizer que os Sportinguistas têm que ter sangue de barata. Ao sermos confrontados não podemos simplesmente dar a outra face. A estupidez é infinita, a nossa paciência não.





Comentários