Como se querem sentir amanhã?



Pouco há melhor no desporto do que aquela recta final em que podemos conquistar um troféu pelo qual lutámos arduamente. Os jogadores do Sporting entrarão nessa recta dentro de poucas horas.

À sua volta estarão milhares de adeptos envergando a camisola de muitos dos que estão em campo. Muitos mais ainda estarão, pelas casas e cafés deste país, de olhos colados ao ecrã a torcer pelo Sporting Clube de Portugal de Verde e Branca vestida.

Uma camisola que não foi apenas comprada por amor ao Clube. Foi estampada com o nome e número daquele que sonhamos ser o nosso herói em campo.

Seja qual for o resultado da Taça, amanhã essa camisola ainda existirá. Ainda existirá a mesma fé nesse jogador. No ídolo que ele se foi tornando para nós envergando a camisola do Leão Rampante.

Amanhã, seja qual for o resultado, ainda há muito amor para dar ao Sporting e muito apoio para dar aos jogadores.

Só pedimos uma coisa... devolvam esse carinho aos adeptos. Amanhã, seja qual for o resultado, quando acordarem pensem nos milhões de adeptos que estiveram com vocês ao longo do caminho. Pensem nas crianças que fizeram filas para ter um autógrafo. Nos cartazes que pediam as vossas camisolas. Nas horas ao sol e à chuva a dar-vos força vinda da bancada.

Angariaram, com o vosso esforço, o nosso apoio e, nas imortais palavras de Saint-Exupery, são agora responsáveis pelo que cativaram. Tal como nós somos por vocês. Juntos, podemos fazer coisas extraordinárias. Concedam-se a vocês mesmos essa hipótese.

Toda a gente vos quer ver como heróis. E vocês? Como se querem sentir amanhã?


Comentários