A Oposição Sombra



Podem acusar Bruno de Carvalho de muitas coisas mas há uma que ele fez e que a oposição não consegue ou não quer. Simplesmente, dar a cara.

Em 2011 deu a cara, foi oposição activa até 2013 e apareceu a eleições com o seu plano. Agora vivemos um autêntico golpe palaciano que é gerido por alguém "sem rosto". Alguém que não aparece, que não se sabe quem é mas que manda à frente os cães do costume: Carlos Severino e Pedro Madeira Rodrigues.

Se a oposição quer ser levada a sério, em vez de contratar meninos nas redes sociais para irem debitando os temas do seu interesse, apresente o nome que quer para levar a eleições.

Assumam, sem merdas, quem são e o que querem. Saiam da sombra!


Comentários