Juíza que ilibou benfica SAD já tinha salvo o benfica em 2003, anulando o julgamento de Vale e Azevedo



Ana Peres, a juíza que vergonhosamente ilibou a benfica SAD do processo e-toupeira, já tem uma história de salvar o benfica ao longo da sua carreira.

Foi em 2003, enquanto membro do colectivo de juízes (com Ana Wiborg e Simões de Almeida) substituto da 8ª Vara, que Ana Peres livrou Vale e Azevedo de ir a julgamento no âmbito do processo Euroárea.

Na altura, Vale e Azevedo, era acusado de falsificação de documentos relativos à venda de terrenos na zona sul do estádio da luz. Ana Peres, tal como ontem, voltou a fazer uma espécie de favor ao benfica e anulou o julgamento. Hoje todos sabemos quem é Vale e Azevedo e todos percebemos que Ana Peres se terá "equivocado" mas nada disso muda que ela é responsável por (mais) um crime não ter ido a julgamento!

Durante mais quantos anos andaremos a pagar pelos crimes cometidos pelo benfica e "anulados" e "ilibados" por Ana Peres?


Comentários

Enviar um comentário